RNLN integra o Netuno da SeeByte em seus AUVs

Notícias de tecnologia marítima28 setembro 2018
(Foto: Seebyte)
(Foto: Seebyte)

A Royal Netherlands Navy (RNLN) integrou o software Netuno da SeeByte à sua nova geração de veículos submarinos autônomos (AUV) Remus 100.

O Neptune fornece uma arquitetura de controle de carga útil, planejamento de missão baseado em metas e mecanismo de autonomia em tempo real para Sistemas Marítimos Não-Tripulados (UMS) para planejar e executar padrões bem conhecidos de comportamento. A Neptune acelera e otimiza as operações de veículo único e multi-veículo.

O Neptune pode ser usado para coordenar frotas de ativos não tripulados para missões MCM, permitindo que os operadores coordenem facilmente vários ativos para pesquisar, classificar e mapear, readquirir e identificar operações como parte de uma única missão. Ao combinar todos os planos de missão e monitoramento em uma única estação de trabalho e interface de usuário, as equipes são capazes de gerenciar frotas maiores de ativos não tripulados sem sobrecarregar os operadores.

O Gerente Técnico de Clientes da SeeByte, Alastair Cormack, disse: “Temos o privilégio de estar em condições de continuar a trabalhar com a Royal Netherlands Navy e ajudar na sua meta de alcançar a segurança do mar. Com as marinhas dos EUA, Reino Unido e Canadá atualmente usando o software Neptune, é fantástico que o RNLN agora tenha acesso aos recursos avançados que oferecemos. ”

Categorias: Defesa submarina, Marinha, Notícias do Veículo, Olho na Marinha, Soluções de software, Soluções de software, Veículos não tripulados