Statoil concede contratos de perfuração de US $ 1,5 bilhão

De Joseph R Fonseca3 abril 2018
Vista da plataforma Gullfaks C no Mar do Norte. (Foto Harald Pettersen)
Vista da plataforma Gullfaks C no Mar do Norte. (Foto Harald Pettersen)

A Statoil concedeu contratos de perfuração para a Archer, KCA Deutag e Odfjell Drilling para perfuração, completação, serviços de intervenção, entupimento, manutenção e modificações em 18 das plataformas fixas da Statoil.

Os contratos entram em vigor a partir de 1º de outubro de 2018, inicialmente por um período de quatro anos. O valor total é estimado em mais de 12 bilhões de coroas norueguesas (US $ 1,5 bilhão). Os contratos incluem três opções de extensão de dois anos. O trabalho empregará cerca de 2.000 pessoas por ano.
“Operações seguras e eficientes são nossa prioridade número um. Estes prémios contratuais ajudarão a garantir entregas seguras e eficientes e a manter um elevado nível de atividades na plataforma continental norueguesa. Uma base de mão de obra resiliente capaz de executar o escopo de trabalho exigido tem sido um importante critério de seleção ”, diz Geir Tungesvik, vice-presidente sênior de perfuração e poço da Statoil.
Contratos de longo prazo aumentam a previsibilidade e garantem condições operacionais estáveis ​​para os fornecedores e a Statoil.
“Os contratos nos fornecem uma boa base para uma colaboração próxima e previsível. Assim, facilitamos operações seguras e eficientes. Os contratos visam melhorar nossa competitividade conjunta e permitir um nível sólido de atividades ”, diz o diretor de compras da Statoil, Pål Eitrheim.
Uma das intenções dos contratos é melhorar a colaboração entre a Statoil, os empreiteiros de perfuração e os prestadores de serviços. Um programa de incentivo comum estimulará operações seguras e eficientes por meio de estreita colaboração e integração do trabalho.
Categorias: Contratos, Energia, Energia Offshore, Engenharia subaquática, No mar, Notícia, Operações do Ártico, Tecnologia (Energia)